Cartões com chip

Cartão com chip

O cartão inteligente é um meio simples e seguro de identificação e pagamento

Um cartão "inteligente" tem a forma de um cartão plástico de tamanho normalizado, com banda magnética ou não, no qual introduziu-se um componente electrónico ( o chip ) fixado por encolado permanente. O acesso eléctrico ás funcionalidades do chip está garantido por meio de um circuito impresso, chamado zona de contatos, parte visível do micromódulo inserido no cartão. A A3M fabrica todo tipo de cartões com chips fornecidos pelos principais fabricantes a nível mundial. Gostaremos de analizar seu projeto e o tipo de chip que vai precisar.

Características do chip

Podemos distinguir dois tipos principais de cartões de PVC com chip: os cartões com memória e os cartões com microprocessador.
- Nos cartões chip com memória
o componente é uma memória simples tipo EPROM (memória inscrevível eléctricamente) ou EEPROM (memória inscrevível e apagável eléctricamente) se uma reinscripção for necessaria; O acesso eventualmente protege-se por um algoritmo simples. As aplicações principais referem-se aos cartões de prepagamento, os mais conhecidos são os cartões telefônicos.

cartões de plástico como sistema de pagamento

Os cartões que incorporam pontos ou para o pagamento de pequenas quantidades, utilizam esta tecnología fácil de aplicar, e não precisa de nenhum complicado software informático de explotação permitindo no mesmo tempo um tratamento Off Line das transacções em umas condições de seguridade ótimas.
Os cartões com memória podem-se adaptar perfeitamente ás aplicações de fidelização de clientes ou pago privativo, inclusive controle de acessos com um tratamento On Line. Sua capacidade limita-se não entanto a alguns centenares de bites.

Nos cartões chip com microprocessador

o componente é mais grande significativamente e implica sempre um microprocessador que protege e administra um o mais zonas memória de tipo RAM (memória acesso livre) ou ROM (memória acessível só em leitura). Esta capacidade de tratamento adjuntada a um tamanho de memória sustancial faz do cartão com microprocessador um vetor de transacção tranqêilizador de muito alto nível e um verdadeiro ficheiro portável.

segurança do cartão por código PIN

A validação do código secreto portador (PIN) é o resultado de um cálculo efetuado pelo microprocessador. São bem conhecidas as aplicaçõs do cartão multibanco, do cartão saúde ou de telefonía móvel que baseam-se neste tipo de componente. Para trabalhar, como um computador, este cartão precisa de um sistema de explotação (Operating System). Atualmente este OS, gravado no cartão, está a depender da aplicação. A utilização de aplicações com cartões com microprocessador implica então o desemvolvimento prévio de um software informático adaptado.

Artigos relacionados
A3M

C/ Imprenta de la Alborada, 116D
14014, Córdoba, España

T 0034 957 76 06 18
Horário de atendimento telefônico:
das 9 às 19 horas sem interrupção

A3M France

157 Bld Davout
75020 Paris - France

T 01 64 25 73 12

Acerca de A3M
A3M é uma referência europeia em identificação de pessoas e aplicações de controle de acesso pela tecnologia RFID e biometria.
[(